Valor de contrato de manutenção de CFTV (quanto cobrar) - Aprenda CTFV.com

Valor de contrato de manutenção de CFTV (quanto cobrar)

Depois de instalar um sistema de vigilância é altamente recomendável falar com seu cliente sobre manutenção. É muito importante manter tudo funcionando corretamente, já que uma quantia considerável de dinheiro geralmente é investida em um sistema de segurança.

CCTV Technician adjusting a camera

Colocar preços em um contrato de manutenção de CFTV, muitas vezes não é uma tarefa fácil, mas você precisa fazer isso para oferecer o melhor contrato de serviço para o seu cliente.

Para te ajudar com a dúvida de quanto cobrar por um contrato de manutenção de câmeras de segurança, irei mostrar como precificar um contrato baseado na porcentagem do projeto e darei algumas orientações sobre o trabalho que precisa ser feito.

A necessidade de profissionais qualificados

Antes de falar de preços é preciso entender o papel do profissional de manutenção preventiva. Dependendo do tipo de sistema de segurança instalado isso pode variar bastante, de um sistema analógico para um IP.

Atualmente, há muita tecnologia IP moderna em um sistema de vigilância que o torna melhor, mas também mais complexo de se lidar.

Qualified CCTV technician

A manutenção de um sistema de segurança modernos exige que técnicos qualificados lidem com dispositivos de rede, como câmeras IP, switches, roteadores, servidores, gravadores, etc.

Parte da equipe técnica também precisa ter algumas boas habilidades em rede IP, software VMS, padrões internacionais e solução de problemas se você estiver um sistema IP de médio ou grande porte instalado em uma empresa por exemplo.

O que estou tentando explicar é que o trabalho de manutenção de um sistema de segurança moderno pode custar mais e você deve estar totalmente ciente desse fato antes de decidir por um valor e contratar os profissionais adequados.

Recomendação de manutenção de sistemas de CFTV

Aqui estão alguns exemplos do que pode ser coberto nos serviços de manutenção de CFTV. Esta lista pode ser ajustada de acordo com suas necessidades e de acordo com o contrato que irá fechar com o seu cliente.

Manutenção da câmera de CFTV

Câmeras de CFTV instaladas

A primeira coisa que vem à mente quando se fala em manutenção de sistmas de CFTV é como manter as câmeras funcionando corretamente, especialmente durante o período de garantia.

É importante manter as câmeras funcionando e também limpas. Veja a lista abaixo com as tarefas sugeridas de manutenção.

  • Instalação: É importante dar uma olhada em cada câmera para garantir que a instalação física está correta. Às vezes, alguns incidentes, como ventos fortes, tempestades, rachaduras na parede ou algo atingindo a câmera, podem afetar o seu posicionamento e a sua integridade. O cabeamento e os conectores também devem ser verificados para garantir que não estejam comprometidos e danificados por intempéries, corrosão, mordidas de animais ou coisas do gênero.
  • Ângulo de visão: isso também é muito importante, o ângulo de visão deve sempre ser verificado para garantir que ele esteja cobrindo a área correta. Basta comparar esse ângulo com o do projeto inicial. Se você não tiver essa informação, basta perguntar a alguém responsável ou usar suas habilidades para escolher a melhor opção para a situação.
  • Presets e patrulha: Se houver câmeras PTZs no sistema, verifique se os presets, e patrulhas estão de acordo com o projeto inicial. Basta dar uma olhada no relatório de instalação para ter certeza de que tudo está correto ou fazer uma análise junto com o operador de CFTV.
  • Limpeza: É uma prática comum limpar a cúpula e as lentes pelo menos duas vezes por ano. Dependendo da área de instalação, é necessário limpar com mais frequência, mas tudo depende da condição do ambiente e do clima que pode trazer poeira ou outro tipo de sujeira. Às vezes, há alguns insetos ou pássaros que começam a viver sobre as câmeras ou perto o suficiente para causar alguns problemas. Encontre a maneira correta de limpar a câmera e se livrar desses insetos e animais.
  • Condensação: Algumas câmeras dome e bullet podem ter problemas de condensação que às vezes não são visíveis durante a inspeção, especialmente se tal condensação ocorrer durante a noite ou depois de chover. Verifique a gravação de vídeo ou peça aos operadores de CFTV para descobrir se há alguns problemas de condensação que precisam ser corrigidos.
  • Operação do infravermelho: câmeras infravermelhas podem ter problemas com a reflexão ou com o filtro de corte de infravermelho. Verifique as gravações para se certificar de que as imagens das câmeras com infravermelho são boas o suficiente e se não há algum reflexo de infravermelho que atinja a lente da câmera. Essas reflexões são geralmente causadas por paredes e objetos refletivos que estão próximos às câmeras ou até mesmo por arranhões ou poeira na cúpula ou na carcaça. Verifique também se o ICR (Remoção do Filtro de Infravermelho)  da câmera está funcionando corretamente.
  • Atualizações de Firmware: As câmeras IPs possuem um sistema operacional que executa diferentes tipos de serviços que são atualizados com freqüência para corrigir problemas de software e melhorar a segurança para evitar ataque de hackers. É uma prática comum atualizar o firmware da câmera se houver uma grande ameaça à segurança ou alguma melhoria considerável de qualidade ou recursos, além de que não é necessário atualizar todas as câmeras apenas porque um novo firmware com pequenas alterações está disponível.

Manutenção do rack de equipamentos

Instalando servidor no rack

Faz parte da rotina de manutenção de CFTV verificar os racks instalados para garantir que estejam funcionando. Veja as tarefas abaixo:

  • Violação: Os racks mantêm os servidores, switches, gravadores, roteadores e outros dispositivos essenciais para o sistema de segurança. Eles devem ser trancados e somente o pessoal autorizado deve ter acesso a eles. Verifique se os racks estão corretamente protegidos e se não há sinal de violação. Se você encontrar algo incomum, como um arrombamento, converse com o cliente para discutir o curso de ação (chamar a polícia ou algo parecido).
  • Cabeamento e conectores: Verifique os cabos e conectores para certificar-se de que tudo está OK. Procure sinais de problemas com os cabos, corrosão, ferrugem, danos causados por animais ou insetos. Substitua os cabos e conectores ruins, se necessário.
  • Equipamento: Os servidores, gravadores e dispositivos de rede, como switches e roteadores, devem estar em condições de funcionamento. Verifique se os ventiladores estão funcionando e se eles não estão superaquecendo, verifique também se há algum ruído incomum que indica um problema com hardware ,como discos rígidos e ventiladores. Você também pode executar um teste de diagnóstico se o equipamento que você está usando tiver esse recurso.
  • Limpeza: Normalmente, os racks atraem uma quantidade significativa de poeira devido aos ventiladores do equipamento. Às vezes eles também se tornam o lar de insetos ou pequenos animais. Basta limpar o rack corretamente sempre que você limpar as câmeras.
  • Alimentação: Os equipamentos dentro dos racks são muito importantes para o sistema de vigilância. Certifique-se de que o UPS (no-break)  esteja funcionando (use uma ferramenta de diagnóstico, se disponível).

Manutenção de servidores e PCs

Técnico  fazendo diagnóstico

Os servidores e PCs são uma parte muito importante do sistema de vigilância e você precisa ter certeza de que eles são mantidos adequadamente. Veja as tarefas recomendadas:

  • Hardware: Veja se o hardware está OK. Verifique os ventiladores, cabos e conectores para certificar-se de que estão em condições de funcionamento e substitua os componentes, se necessário.
  • Software: Rode uma ferramenta de diagnóstico para garantir que o hardware, o sistema operacional e o software estejam funcionando conforme o esperado. Verifique se há algum comportamento incomum com o VMS ou com qualquer software em execução no servidor ou no computador de monitoramento.
  • Atualização: Atualize o software VMS, os drivers e tudo o que é necessário para a última versão estável. Apenas tome cuidado com este procedimento e certifique-se de ter testado a atualização em seu laboratório antes de instalá-lo nos computadores de seus clientes.
  • Limpeza: Como de costume, limpe o equipamento para remover toda a poeira e os insetos que gostam de viver em dispositivos eletrônicos.
  • Alimentação: Verifique a energia e certifique-se de que o sistema UPS esteja em boas condições.




O valor de um contrato de manutenção de CFTV

A maneira mais comum de se chegar a um valor de um contrato de manutenção de CFTV é cobrando uma porcentagem anual do custo total da instalação do projeto, que inclui tudo o que é equipamento, cabeamento, software e mão de obra (seu preço de custo e não o preço final para o cliente).

O preço do contrato anual praticado na industria de CFTV é algo entre 8 a 12% deste custo total de projeto e inclui a manutenção preventiva para evitar falhas. 

Na maioria das vezes, essa porcentagem é usada para calcular a manutenção relacionada aos equipamentos instalados (sem considerar tarefas com software).

Os integradores de sistemas de CFTV geralmente cobram um pouco mais (cerca de 15%) para incluir tarefas relacionadas a software, como atualizações e configuração do VMS (software de monitoramento e gravação).

Se o custo total da instalação for de R$ 100.000 por exemplo, o contrato anual de manutenção de CFTV (manutenção preventiva) estaria entre R$ 8.000 e R$ 15.000 considerando o trabalho de manutenção preventiva completo.

Lembrando que as visitas para manutenção devem ser feitas pelo menos duas vezes por ano para checar tudo o que foi mencionado acima, o que inclui o trabalho de limpar todas as câmeras que pode ser um pouco trabalhoso.

Fora esse trabalho anual, o cliente pode ainda soliciar a visita para resolver problemas que surgem no dia a dia, e o contrato deve estipular quantas visitas são cobertas por ano e a quantidade de suporte técnico por telefone e por acesso remoto ao sistema.

Incluir até 2 visitas por mês no contrato é uma razoável para resolver problemas, mas se o sistema estiver bem implementado elas praticamente não serão necessárias e a configuração de um serviço de acesso remoto também ajuda a resolver problemas lógicos relacionados a software, gravação e configuração.

Se o cliente necessitar de visitas extras que não estão cobertas pelo contrato, você pode cobrar pelo seu preço por hora que deve estar no contrato.

Conclusão

Esses são os padrões da indústria para contratos de manutenção de CCTV.

Como integrador de sistemas, você precisa calcular todos os custos antes de assinar um contrato com seu cliente. Certifique-se de contratar a equipe técnica correta que possa lidar com o trabalho e que o valor do contrato possa cobrir os custos de tais profissionais e ser lucrativo para a empresa.

Você pode negociar um contrato de longo prazo com seu cliente e informá-lo que o melhor e mais acessível é ter um contrato de manutenção de 3 anos, caso ele não queira fechar por longo prazo, feche um contrato de pelo menos 1 ano.

AVISO:

Obviamente os valores variam muito de acordo com a região e tipo de projetos. Se você trabalha com equipamentos de baixo custo e de qualidade duvidosa, o custo do seu contrato de manutenção ficará mais baixo pois é baseado na porcentagem do custo do projeto, porém você poderá ter muito mais dor de cabeça e prejuízo por usar equipamentos que podem falhar com mais frequência.

Recado importante

Se você é um instalador profissional de CFTV ou quer se tornar um, eu recomendo que você dê uma olhada na coleção Guia Definitivo do CFTV, e aos cursos em vídeo clique nos links abaixo para saber mais...

Compartilhe esse artigo com os amigos...

Deixe um comentário 0 comentários

Deixe uma resposta