Análise da câmera IP Intelbrás VIP 1120B - Aprenda CTFV.com
2

Análise da câmera IP Intelbrás VIP 1120B

A câmera IP VIP 1120B da Intelbras é um modelo de entrada para projetos residenciais e pequenos comércios onde preço é um fator fundamental.

Com preço em torno de R$ 210,00 esse modelo é compatível com os DVRs da linha Multi HD e de acordo com os catálogo, o produto também possui compatibilidade com outros sistemas através do protocolo universal ONVIF.

Câmera VIP 1120 B da Intelbras

Devido ao fato de não eu não possuir nenhum vínculo com fabricantes, nesse artigo você poderá acompanhar a análise real do produto e entender quais são as vantagens e desvantagens dessa câmera IP da Intelbrás.

Visão geral da câmera VIP 1120B

A câmera tem formato bullet moderno com um design mais elegante que modelos de grande fabricantes como Samsung por exemplo.

VIP 1120B visão lateral

Na parte frontal da câmera é possível ver a lente ao centro e um sensor de luz logo abaixo. Os LEDs infravermelhos não são visíveis enquanto estão desligados o que proporciona uma melhor estética ao produto. 

VIP 1120B visão frontal

O suporte da câmera traz parafusos para ajuste de posicionamento que permite obter o ângulo desejado durante a instalação, notei que é realmente fácil obter a posição ideal através do uso dessas articulações.

Detalhes da câmera VIP 1120B

A câmera possui dois cabos que devem  ser utilizados para a conexão da fonte de alimentação e do conector de cabo de rede. Há um LED indicador de conexão e atividade de rede, o que é muito prático para instaladores. 

Infelizmente esse modelo não permite a alimentação via PoE (Power Over Ethernet) o que é frustante em se tratando de uma câmera IP. É lastimável 🙁 

Cabos da VIP 1120B

Além de parafusos e buchas para instalação, o KIT traz os protetores para o cabo de rede, para proteger o cabo no caso de instalação externa.

Protetores de cabos VIP 1120B

Especificações técnicas da câmera

A câmera VIP 1120 B possui lente de 3.6mm e sensor de 1/4" que proporciona uma abertura de 56,82º na horizontal e 35,07° na vertical.

Com resolução máxima de 720p (1280 x 720 pixel) também conhecida como resolução HD, teoricamente a câmera permite o reconhecimento de uma pessoa de 2 metros de altura a uma distância de 9,5m.

Câmera VIP1120 B distância de reconhecimento

Para visualizar imagens em ambientes com pouca luz, a câmera traz sensor de infravermelho com alcance de até 20m e funções de compensação de luz de fundo como BLC e WDR que melhoram imagens com contraste de luz.

BLC e WDR na VIP 1120 B

Outra informação interessante no catalógo da VIP 1120 B é a compressão de vídeo com o CODEC H.264 que permite a transmissão de imagens na máxima resolução a uma taxa média de 2.600 Kbps (2 Mbps).

Para saber mais sobre H.264 leia o artigo: Entenda o que é CODEC para CFTV

O catálogo informa também que a câmera possui grau de proteção IP66 que permite que seja instalada em locais externos sujeitos a chuvas e tem compatibilidade com os softwares ISIC 6 para smartphones, além de ser compatível com o software SIM Plus para computadores (software grátis).

Primeira tentativa de acesso à câmera

Uma câmera IP pode ser acessada diretamente através do uso de um navegador de Internet, e no caso da VIP 1120B a Intelbrás recomenda o uso do Internet Explorer. Na primeira tentativa de acesso com o Google Chrome obtive a seguinte mensagem:

"É recomendado o Internet Explorer para acesso web deste dispositivo!"

O que no final das contas não é exatamente uma recomendação e sim uma obrigatoriedade pois não há como acessar via Google Chrome.

Ao tentar acesso com o navegador Firefox a mensagem de recomendação não aparece, é possível digitar o usuário e senha para logar, porém aparecem somente as colunas do menu sem textos e fica impossível utilizá-lo.

Sinais da origem (chinesa) da tecnologia

A câmera possui o chip HI3518E fabricado na China pela HiSilicon.

Ao tentar acesso com o navegador Firefox a mensagem de recomendação não aparece. É possível digitar o usuário e senha para logar, porém aparecem somente as colunas do menu sem textos e fica impossível utilizá-lo.

Porém é possível ver o texto NetSurveillance no topo ao lado esquerdo do menu que indica que a câmera é típica OEM fabricada na China.

Câmera Intelbras VIP 1120B via Firefox

A Intelbrás tem feito um bom trabalho em ocultar a origem dos produtos (são importados da China e montados no Brasil) porém as vezes ainda sobra alguma informação que mostra a origem da câmera.

A informação também pode ser encontrada no código da câmera, como pode ser visto na imagem abaixo pela palavra NetSurveillance, ligado aos componentes fabricados pela empresa Chinesa  XiongMai Technologies.

Informação de NetSurveillance na VIP1120B

Ainda olhando outras partes do código é possível encontrar vários comentários de programadores escritos em chinês (veja imagem abaixo):

Código em Chinês na câmera da Intelbras

Na verdade não há nenhum problema em ter produtos originários da China, outras marcas possuem a mesma prática. Porém é interessante que técnicos e instaladores saibam que esse produto é somente montado no Brasil.

É desnecessário travar uma guerra de opiniões e apontar dedos para produtos que vem da China, porque na prática a maioria vem de lá. 

É importante no entanto, ter o suporte local da marca, como ocorre com empresas como Intelbras, Tecvoz e outras mais.

Acesso à câmera com o navegador I.E.

Como o navegador Internet Explorer (I.E.) é possível acessar normalmente o menu de login da câmera, basta utilizar o usuário admin e senha admin.

Menu de acesso a VIP 1120B

No passado havia uma falha de segurança nos equipamentos da Intelbras que permitia a tentativa do usuário e senha padrão (admin/admin) para fazer o login.

Em versões atuais de firmware há um alerta, porém ainda é possível ignorá-lo e manter o usuário e senha padrão.

VIP 1120B sugere troca de senha

Isso ainda pode ser considerada uma falha de segurança, pois quando o usuário tem a possibilidade de deixar a senha padrão e há um risco iminente.

As imagens da câmera VIP 1120B

Visualização via DVR MHDX-1004

Abaixo a câmera VIP 1120B conectada ao DVR Intelbras MHDX-1004 juntamente com outras câmeras com tecnologia HDCVI, HDTVI, AHD e CVBS.

É possível acessar as imagens ao vivo e gravadas da câmera IP através do DVR e do software SIM plus instalado no laptop.

Diagrama do DVR MHDX-1004

Abaixo a imagem do DVR MHDX-1004 com as 5 câmeras exibindo imagens simultameamente (a VIP1120 B é a maior no canto superior esquerdo).

VIP 1120B via DVR MHDX-1004

(clique na imagem para ampliar)

Visualização via sofware SIM Plus

Abaixo um exemplo da imagem da câmera acessada através do software SIM Plus da Intelbras, nesse momento a configuração é padrão e não há ainda nenhum ajuste adicional para melhoria de imagens.

Imagem da câmera VIP 1120B - color

(clique na imagem para ampliar)

Para ver os testes com várias câmeras no DVR da Intelbras leia o artigo: Intelbras NHDX-1004 testes com diferentes tecnologias

Imagem com infravermelho ligado

Abaixo é possível ver as imagens das câmeras antes das 5 da tarde, note que a VIP 1120 B é a única que está com o infravermelho ligado porém nesse horário ainda há muita luz natural no ambiente pois nessa época do ano em Miami fica escuro somente depois das 8 da noite.

É possível notar nas imagens que há luz natural entrando pela janela, e ainda não é necessário o acionamento dos LEDs de infravermelho das câmeras.

VIP-1120B-antes-das-5PM-IR-ligado

Após as 8 da noite o infravermelho das demais câmeras (com excessão da Samsung SCO-6023R) ligaram e na imagem abaixo é possível ver a comparação entre elas. A qualidade de imagem com IR é muito boa.

Infra ligado apos 8PM

Veja na imagem abaixo que a qualidade do infravermelho é realmente muito boa, nessa sala a distância máxima é de 9m (canto ao lado do espelho).

Imagem da câmera VIP1120B com infravermelho

Consumo de banda da VIP 1120B

Ao conectar à câmera utilizando o Internet Explorer é possivel notar que o uso de banda não passa de 1Mbps, conforme mostra a medição (943,52Kbps)

Uso de banda na VIP1120B

A imagem acima mostra a medição através de um software utilizado para diagnóstico de redes, porém é possível também ver a informação do uso de banda através do software SIM Plus da Intelbras, Veja a imagem a seguir.

Medição de banda no SIM Plus

Note no canto superior esquerdo a informação do stream principal que está usando  935Kbps com a resolução da câmera em 1280 x 720 A medição pode ser realizada conectando o SIM Plus diretamente à câmera ou ao DVR.

Configuração do uso de banda

É bom deixar claro que a câmera não é mais eficiente que as demais em questão de uso de banda, no menu é possível notar que a configuração para o stream principal está fixa e utilizando CBR (Constant Bit Rate), que mantém uma taxa de uso de banda constante. (veja a imagem a seguir).

Configuração do uso de banda na VIP1120B

Ao logar na câmera e acessar o menu de configuração, é possível notar que a configuração está fixa em 927 Kbps.

Essa é a razão pela qual a câmera irá mostrar o consumo máximo de banda abaixo de 1Mbps (1,000 Kbps).

Se a imagem estiver com qualidade suficiente para o projeto pode-se manter a configuração dessa forma, Note também que há configuração dos demais parâmetros. 

Há um stream secundário na câmera que a princípio também está configurado como CBR com resolução D1 a uma taxa máxima de 87Kbps.

Note no diagrama abaixo que com 2 streams é possível fazer gravação local com mais alta qualidade (e mais uso de banda) e também enviar vídeo pela Internet (com menos uso de banda). Basta configurar o stream principal e o stream extra adequadamente conforme a necessidade do projeto.

Diagrama da VIP 1120B com dois stream

Na prática essa configuração não aproveita a capacidade do CODEC H.264 de usar mais ou menos banda conforme há variação de movimento diante da câmera. Para que isso ocorra é necessário alterar a configuração para VBR.

Depois de configurar o stream principal e extra na câmera basta escolher no software SIM Plus qual deles deseja visualizar. Veja a imagem abaixo:

Escolhendo o stream da VIP1120B via SIM PLUS

(clique para ampliar)

Adicionando a VIP 1120B ao DVR MHDX-1004

O processo de adicionar a câmera ao DVR é extremamente simples, basta entrar no menu principal e selecionar a opção câmera para ter acesso à janela de configuração onde a câmera IP poderá ser configurada.

Menu MHDX-1004

No DVR, o menu "câmera" permite fazer os ajustes dos modelos de câmeras analógicas ou IPs, a configuração é muito simples.

Menu camera

Na janela dispositivo remoto basta clicar no menu "Buscar" e a câmera é automaticamente encontrada, depois é só marcar a caixa (abaixo de editar) e clicar no botão "Adicionar".

Adicionando a câmera VIP1120 B ao DVR

Note na imagem a seguir que a câmera é adicionada ao DVR e alguns segundos depois o status muda de vermelho para verde indicando que a câmera está corretamente configurada e funcionando no DVR.

Câmera VIP 1120B adicionada ao DVR

Teste da VIP1120B com o protocolo ONVIF

Para se comunicar com dispositivos de outras marcas é necessário usar um protocolo universal como o ONVIF, A câmera VIP1120B possui esse protocolo e está homologado, como é possível ver na imagem abaixo.

VIP 1120B Homologada ONVIF

Para saber mais sobre esse protocolo , leia o artigo: Entenda o que é ONVIF

Para verificar a lista de compatibilidade  de produtos visite: ONFIV.org


Teste via software de diagnóstico

No teste de conexão via ONVIF o software de diagnóstico encontrou a VIP 1120B facilmente e retornou imagem e a informação da versão 2.41

A porta de conexão ONVIF padrão da câmera é a 8899

Abaixo a imagem da câmera conectada via protocolo ONVIF.

Teste da VIP1120B via ONVIF

Teste da VIP1120B com o protocolo ONVIF

O software CMS grátis reconheceu facilmente a VIP 1120B através do protocolo ONVIF, bastou colocar as infirmações de IP, porta, usuário e senha.

Configuração da VIP 1120B no CMS

(clique para ampliar)

VIP 1120B via CMS

(clique para ampliar)

Teste da VIP 1120B com o protocolo Dahua

Como não poderia deixar de ser, fiz um rápido teste da VIP 1120B no CMS utilizando o protocolo Dahua, colocando o IP, porta, usuário e senha, foi bem fácil realizar a conexão, o software imediatamente reconheceu a câmera.

Configuração da VIP1120B no CMS via protocolo Dahua

(clique para ampliar)

VIP 1120B funcionando no CMS via proticolo Dahua

(clique para ampliar)

O CMS é um software grátis que funciona com diferentes marcas de DVRs e câmeras. Para saber mais leia o artigo: Software para DVR H.264

Fidelidade de cores da câmera

A maioria das câmeras de CFTV de baixo custo têm uma grande dificuldade em manter o balanço do branco correto e reproduzir cores fiéis em modo automático, Para minha surpresa com a VIP 112o B foi diferente, ela reproduz muito bem as cores com a configuração automática que vem de fábrica.

Abaixo a análise de Vetorscope mostra que as cores estão bem distribuídas

Balanço deo branco da VIP1120B

Considerações finais

A câmera VIP 1120 B posui outros recursos interessantes como detecção de movimento, alerta via email e envio de fotos para servidor de FTP.

Também é possível sincronizar a hora via NTP (Network Time Protocol) e gerenciar grupos e usuários, espelhar e rotacionar a imagem e usar recursos de DDNS e nuvem do próprio fabricante (Intelbras Cloud).

Conclusão

A câmera VIP 1120B é um modelo de câmera IP bem simples porém não deixa de ser uma boa opção para residências e pequenos comércios.

É uma câmera IP barata e fácil de instalar e configurar, mas a falta da opção de alimentação via PoE é realmente lamentável pois passar cabos extras para enviar alimentação para uma câmera IP hoje em dia é inaceitável.

A iluminação mínima necessária para obter imagens coloridas da câmera deixa um pouco a desejar, devido ao tamanho do sensor e a alta resolução, a iluminação mínima foi sacrificada e a câmera aciona o infravermelho muito antes do que realmente deveria, porém isso não é algo crítico para o público para o qual o produto se destina (mal irão perceber o problema).

No geral a câmera possui uma boa qualidade de imagem e fidelidade de cores, a compressão H.264 é suficiente para se adequar às necessidades do uso de banda de projetos pequenos e o infravermelho tem boa qualidade.

A câmera trabalha com o DVR da própria marca e integra com terceiros através de protocolo da Dahua e ONVIF para o qual está homologado.

Eu recomendo o uso desse produto para o público ao qual ele se destina (mas ainda estou pensado "porque diabo a câmera não tem PoE?").

Claudemir Martins
 

Meu nome é Claudemir Martins, nascido em uma pequena cidade no interior de São Paulo, me profissionalizei em redes de computadores (CISCO) e CFTV. Trabalhei para grandes empresas (como a Samsung) como engenheiro e treinador profissional ministrando treinamento em diferentes países e idiomas. Atualmente moro com minha família nos Estados Unidos e tenho minha própria empresa na áera de tecnologia.

josé agnaldo - 25 de fevereiro de 2019

Ola em 10/02/19 eu fiz uma tentativa de adiquirir o guia definitivo de CFTV MAS NÃO FUI INFORMADO DA CONCLUSÃO DO PEDIDO
Você pode verificar isso para mim

    Claudemir Martins - 25 de fevereiro de 2019

    Olá José Agnaldo,

    Por favor envie um email para contato@aprendacftv.com com os dados:
    – Nome completo e email utilizado no momento da compra

    Irei verificar o processo.

    Claudemir

Os comentários estão desativados.